PROGRAMAÇÃO

Curso
MISSÃO DE PESQUISAS FOLCLÓRICAS
Com Vera Cardim

Quartas-feiras, 9, 16, 23 e 30 de novembro, das 19h às 21h


O curso apresenta um panorama das ações de salvaguarda relacionadas ao acervo da Missão de Pesquisas Folclóricas, de 1938, idealizada por Mário de Andrade quando era diretor do Departamento de Cultura do município de São Paulo.


Para realizar sua inscrição, clique aqui.

A atividade será realizada por meio da plataforma Zoom. Inscrições até 9/11.

O link será enviado aos inscritos por e-mail. 


Cronograma das atividades: 


9/11 – O Departamento de Cultura

O encontro abordará o contexto histórico para elaboração do projeto e a implantação do Departamento de Cultura e Recreação da cidade de São Paulo. Apresentando as finalidades do órgão de gestão pública no âmbito da cultura, seus principais integrantes, com ênfase na Divisão de Expansão Cultural e a gestão do seu primeiro diretor, o escritor Mário de Andrade.


16/11 – A Discoteca Pública Municipal e a Missão de Pesquisas Folclóricas

Nesse segundo encontro, será apresentado um dos projetos de Mario de Andrade, a criação da Discoteca Pública Municipal, e a indicação de sua primeira diretora, Oneyda Alvarenga. Abordaremos também projetos desenvolvidos a partir e em prol do acervo da Discoteca, com destaque à organização e início da Missão de Pesquisas Folclóricas em 1938. Um trabalho de registro de expressões culturais populares brasileiras que percorreu estados do norte e nordeste do Brasil e que se tornou referência de ações para a salvaguarda do patrimônio imaterial brasileiro.


23/11 - A viagem

A viagem propriamente dita da Missão de Pesquisas Folclóricas será abordada no terceiro encontro. Serão apresentados o cotidiano da viagem, os registros via fotografia, filmagens, anotações, coletas distintas, bem como as negociações políticas locais e com o Departamento de Cultura realizadas pelo coordenador da equipe, Luís Saia. Finalizando com a interrupção da pesquisa, o retorno da equipe, a recepção e o tratamento do acervo resultante da Missão.


30/11 – A vida de um acervo

No quarto e último encontro, serão elencados e discutidos, o percurso da coleção da Missão de Pesquisas Folclóricas ao longo dos anos, que se mistura com a trajetória da própria instituição que lhe abriga, a Discoteca Pública Municipal, atual Discoteca Oneyda Alvarenga do Centro Cultural São Paulo. As ações de organização, tratamento e difusão iniciadas por Oneyda, sua retomada e reorganização nos anos de 1980 e subsequente reconhecimento e tombamento como patrimônio cultural.

Convidado: Rafael Vitor Barbosa Sousa (Acervo Histórico da Discoteca Oneyda Alvarenga). 


Rafael Vitor Barbosa Sousa é mestre em filosofia pelo Instituto de Estudos Brasileiros (USP) e graduado em História pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (USP). Concluiu os dois módulos do curso de extensão universitária “Introdução à política e tratamento dos arquivos”, organizado pelo Centro de Documentação e Informação Científica (PUC-SP). Atualmente, coordena o Acervo Histórico da Discoteca Oneyda Alvarenga do Centro Cultural São Paulo. 


Vera Cardim é graduada em Ciências Sociais e Políticas pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (1987), com especialização em Museologia - Museu de Etnologia e Arqueologia - MAE - Universidade de São Paulo (2004), mestrado em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2010) e doutorado em Ciências Sociais, concentração em Antropologia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2016). Socióloga da Prefeitura do Município de São Paulo de 1990 a 2017, sendo 16 anos exercidos na Secretaria de Cultura, onde respondeu pelo Acervo Histórico da Discoteca Oneyda Alvarenga no Centro Cultural São Paulo; pelo acervo do Pavilhão das Culturas Brasileiras e coordenação do Núcleo de Cidadania Cultural. Atualmente é Professora Substituta no Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal da Bahia - UFBA e integrante do Gepracc - Grupo de Estudos de Práticas Culturais Contemporâneas, formado por estudantes e pesquisadores da PUC/SP, USP, Unicamp, Unesp, UFSCar, UFBA.



Foto: Acervo CCSP

MAPA DO SITE

Este site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.
Consulte sobre os Cookies e a Política de Privacidade para obter mais informações.

ACEITAR